domingo, 16 de julho de 2017

Lembrança do ser Criança


A importância de nos lembrarmos do ser criança sermos felizes e fazermos uma feliz.

A medida que crescemos, quando atingimos a idade adulta, são poucos que conservam o seu lado criança, o seu lado infantil. O que pretendo falar é um pouco de como tem um grande impacto de nos lembrarmos como éramos crianças, principalmente para quem está a educar.

Acredito eu que neste sentido a tarefa é mais fácil para as mulheres por causa da sensibilidade mais desenvolvida ou apurada. No entanto, o lembrar o que faz uma criança sorrir, como pensa, faz com que consiga ter uma melhor aproximação e relação tanto com a criança como consigo mesmo. Como já referi num texto passado, criança feliz é adulto feliz.

A lembrança de quando éramos criança tem particular atenção para a fase de puberdade  pois é a fase mais complexa, pois é a fase do aprendizado do EU.

A pouco tempo  depois de voltar de viagem trouxe uns presentes para o filho do meu sócio  e vi a alegria do rapaz por causa do presente. Isso fez-me recordar da sensação  quando sabia que alguma tinha estava para voltar de uma viagem.  Foi acto que não é necessariamente recorrente, mas que após ter visto o resultado da alegria e sorriso daquela criança fez-me pensar que deveria proporcionar mais esta emoção a outras crianças próximas. Quando o rapaz me cumprimenta agora, o vigor em suas palavras carrega mais emoção, mais importância, mais AMOR.

Isso também fez lembrar do João Carlos o jovem de 13 anos na época, que tinha fugido de casa e que tive que conversar com ele fazendo-lhe ver outro ponto de vista.

O que tento partilhar é que a tua experiência infantil é uma ferramenta para lidares melhor com outras crianças. Fazê-las sorrir, brincar, sentir feliz, só conseguimos quando também nos lembrarmos o que nos fez sentir estas sinestesias quando tínhamos a mesma idade.  

Poderá interessar também..

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...